Blog series which features the talents of the studio, the ones who compose our pulsating atmosphere;

Golden Coins: Pamella Pesarelli, 3D artist.

OI #GoldenCoins shows our 3D Artist Pamella Pesareli and her adventures around the 3D world.

Prata da Casa: James Brelaz, el Motion Designer

#GoldenCoins comes in this glory Monday to shake a little bit of your life. Today we talk about our precious James Brelaz, the Motion Designer that always has a hidden trick and know all the questions we may have about anything. (specially softwares!) Brelax, Breláz, Brêlaz. How long are you here at Cafundó and what […]

#PratadaCasa 4: Giovanni Girardi, Ilustrador.

Let’s discober the other golden coins of the yellow house?? Today we’re gonna talk about the main front of Illustration in Cafundó: Giovanni Girardi. It’s an old buddy we have since 2010, and so on he has engalarged our borders and gave a special shine to our work. Just about he got here, he joined […]

#PratadaCasa 03 – Roland Roderjan

strong>#GoldenCoinathe 3rd has arrived! We are going to talk about out rcreative resources inside the studio. Today is a special date for designers in Brazil so let’s talk about our Art Web director. He whom has, besides some other stories, is a graduated designer from UFPR – city of Curitiba.. Roland Roderjan is the guy […]

#Pratadacasa 02: Douglas da Silva

If you haven’t seen our #GoldenCoin01, this is a special moment where  Cafundó is revealing to the world the talented ones that make our team shine abroud.. Now #GoldenCoins 2nd edition is gonna talk about a boy who came here to let everything work fine. This guy programmed this blog: if everything works, he is […]

Prata da Casa #1 – Felipe Fox

Cafundó is gonna to share its #GoldenCoins: the brave heros who passed through our trembling selection, slaying dragons and Léo-ns so they could seat at ease in a throne of the Yellow House. Ok, maybe not. But they are our precious creative resources that are able to transform fabulous ideas into reality. The one who […]

The last news of our creative lab.

SIMPLE SCORE

Get to know the app that will help you sum points to your games.

Calendário 2014

Como você gostaria de se retratar em 2014?

HEART ATTACK!

We should always be very cautious about our healthy, specially about heart attacks.

Pílula 01: Moustache Fever

O bonde do Mr. Biggous trazendo alegria para a sua vida.

O SUMIÇO DO GALO

Num ato repentino, nosso companheiro Galo Inácio deu no pé e descabelou todo mundo por aqui. Onde ele se meteu?!

Manifesto Social

Arranjamos um jeito de lidar com todas as notícias das manifestações. Acompanhe o feed de jornais e redes sociais ao mesmo tempo.
Join our saga in producing an animated short film.


O que rolou no Social Media Week – São Paulo

Our Stuff / posted by in 15 Feb of 2011

Após a intensa semana no Social Media Week, venho por meio deste informar que vocês estão criando um monstro: quanto mais eu vou a esses eventos, a mais eventos eu quero ir.

Nada como estar em meio a pessoas super ligadas, trocando ideias sobre o que é hype e o que já deixou de ser, falando sério e falando bobagens, entendendo aqueles que criam estratégias e ações no maior estilo eu-devia-ter-pensado-nisso, ouvindo opiniões divergentes sobre assuntos que muitas vezes já estão até batidos em eventos do tipo e, ainda assim, mudam sua maneira de encarar certas coisas.

Brilhante perceber que somos uma geração que vive uma transição, que possivelmente está construindo algo gigante e tenta, ansiosamente, entender a maluquice que deixará para os próximos que estão por vir. Como disse Edmar Bulla, da PepsiCo: “comunicação social em tempos de mídias sociais é como andar por uma ponte e construí-la ao mesmo tempo”. A mesma geração, diga-se de passagem, que nesses eventos rivaliza loucamente por seu lugar ao T (as tomadas eram raras), disputa árduamente um pacote de Doritos do patrocinador e consegue chamar a Tessália de “webcelebridade”…. vai entender.

Tá, vai… com comes e bebes liberados quase dá pra entender o caos

mais uma opção de buenas pra galera de todas as idades

De forma geral, a segunda edição do Social Media Week – São Paulo foi bastante proveitosa. Não direi a vocês que só teve conteúdo inédito e inovador, que nunca ouvi nada do que foi falado, que eu amo Pepsi e meu celular é Oi –  jamais os enganaria de tal maneira, caros leitores –  mas estudar, estar no mercado e ouvir a opinião de pessoas muito diferentes sempre nos engrandece e aguça nosso senso crítico. No fim das contas, um evento que começava as 15h e acabava depois das 22h teve espaço pra tudo um pouco e valeu muito a ida.

Parece pequeno mas faz bastante diferença: a internet era ótima. A FAAP realmente é muito bem preparada (e bonita). Outro ponto muito bom do evento foi a oportunidade de conhecer pessoas novas e trazer para o mundo real relacionamentos como com o blog Midia8, anteriormente apenas por email. Doce networking 🙂

Bonin Bough, da PepsiCo. De longe uma das figuras mais cativantes

Uma vez que é impossível dividir com vocês todo o conhecimento adquirido durante a semana inteira, separei alguns conteúdos legais que  foram citados durante o evento. Are u ready?

01.A marca não tem escolha de não estar nas mídias sociais, mas ela pode escolher interagir, conversar e responder usuários;

02. O twitter tem códigos: não podemos chegar “gritando”;

03. Não se trata de  gestão de marca, falamos sobre gestão de cultura;

04. Você está falando com um consumidor ou uma pessoa? Um funcionário ou uma pessoa? Um investidor ou uma pessoa? A mesma pessoa tem vários papeis na sociedade. Comunique-se com as pessoas, não com seus papéis;

05. A chave para o sucesso no mundo hoje é o tempo que se leva para aprender. Quem o faz rápido, lidera;

06. A marca é um patrimônio, não das companhias, mas das pessoas. É no código cultural que você está mexendo;

07. Não faz mais sentido uma agência querer gerenciar discursos diferentes pra clientes, funcionários e investidores. É ilusão de controle. O modelo organizacional não colabora para a inovação;

08. Redes sociais devem ser planejamento da empresa, nao só do marketing;

09. A organização inteira precisa estar engajada em redes sociais. Não se trata de uma estratégia de marketing, mas da organização;

10. Antes de se preocupar com as redes sociais você deve se preocupar com a sua empresa. Ela é uma boa empresa?

11. Seu empreendimento é o instrumento para criar valor à marca e não o contrário;

12. Melhor marketing que existe: ter um produto/serviço com qualidade;

13. Saber reagir é mais importante que planejar. Midias Sociais mostram isso;

14. Indivíduo tem valores. Consumidor tem interesses;

15. As empresas estão em uma tendência de fazer tudo. Se for pra fazer, faça com qualidade, mesmo que seja o mínimo;

16. Se a CBF ouvisse os brasileiros nas redes sociais e mudasse o logo da Copa, nós poderíamos até gostar do Ricardo Teixeira;

17.  ROI é coadjuvante nas mídias sociais,o duro é explicar isso. Não deveríamos discutir por quê fazer e sim como fazer;

18.  A métrica está mediando a parte qualitativa da ação. O RT tem que ser autêntico;

19.  Cuidado para não confundir ferramenta com a estratégia; número de RTs com métrica;

20. Engajamento acontece espontaneamente. Você não gera engajamento durante uma campanha;

21. Relacionamento é um resultado de longo prazo. As campanhas tentam minimizar isso e, normalmente, não funciona. Você influencia, mas não engaja. As marcas só vão conseguir engajar as pessoas quando tiverem bons produtos e boa comunicação;

22. Social Media não é ambiente natural da publicidade, só há engajamento do consumidor com identificação;

23. Tem poucas empresas investindo na própria presença digital. Tentam através de investidores, mas o ideal é investir na própria participação;

24. É preciso abrir mao do comando, sem sair do controle;

25. Centralizar um dos canais de mídias sociais no site pode ser perigoso para a presença digital da sua empresa. Um dia o facebook/twitter deixarão de existir;

26. É uma geração que fala, mas não escuta. Despeja suas coisas. Nunca se escreveu tanto e se leu tão pouco;

27. Esse lance de colocar o Foursquare como o fim da privacidade é lenda. E as operadoras de cartão de crédito? Não sabem nada de você?;

28. Geo-localização é muito mais do que um check-in. É a oferta de opções em tempo real de serviços durante o trajeto;

29. Por muito tempo as marcas ainda irão fazer marketing através de descontos devido ao benefício imediato;

30. Você precisa aprender e entender sobre pessoas e sobre negócios. Isso é ser um profissonal completo, em qualquer área de atuação.Você abre uma agência digital e percebe que tem carência de profissionais capacitados. Você precisa daqueles que saibam interagir, que saiam do seu mundinho, que saiba e entenda sobre pessoas.

________________________________________

OBS1: Menção honrosa aos participantes NairBello, HebeCamargo, MussumAlive e MemeFactory, que mostraram o que é humor limpo e contagiante.

OBS 2: As fotos do post foram retiradas do Flickr da PepsiCO.

[fbcomments]